Você tem direito ao Seguro DPVAT? Veja como receber

Como você já deve estar por dentro, o  seguro DPVAT é obrigatório para todos os motoristas. Ele tem como um dos objetivos manter as vítimas de acidentes de trânsito cobertas por cuidados médicos ou hospitalares que sejam necessários. Além disso, prevê indenização no caso de invalidez total ou falecimento da vítima.

Mas poucas pessoas sabem quando acionar o seguro, quanto têm direito a ele e outras questões.

Quem tem direito ao Seguro DPVAT?

Se você sofreu lesões em um acidente de trânsito tem direito a cobertura do seguro DPVAT. E isso, de acordo com a lei, independentemente se a culpa for atribuída a você ou não. Também tem direito ao seguro quem esteja na condição pedestre ou de passageiro de um automotor.

Como receber o seguro DPVAT em casos de acidentes de trânsito

Para evitar fraudes no recebimento do seguro DPVAT, alguns procedimentos são necessários. Para o recebimento do seguro DPVAT, é necessária a apresentação de alguns documentos da pessoa lesada:

  • RG
  • CPF
  • Comprovante de residência
  • Boletim de Ocorrência (BO) onde o acidente esteja registrado
  • Cartão de crédito ou Extrato Bancário onde se possui conta corrente ou poupança. É importante apresentar esses dados para que não ocorra erro na hora de algum atendente anotar essas informações, pois é através desta conta que você será reparado dos custos.
  • Quem não possui conta bancária receberá o valor de indenização do seguro DPVAT por meio do Governo, ou, então, deverá abrir uma conta poupança com urgência.

Como proceder em caso de gastos com médicos e remédios, para indenização do seguro DPVAT?

Caso você tenha tido ônus com atendimento médico e medicações que precisou usar devido ao acidente de trânsito provocado, deverá comprovar essas despesas. Para isso, deverá apresentar os recibos de gastos e compras ou notas fiscais. Saiba mais sobre as indenizações do Seguro DPVAT aqui.

Como fazer se você ficou impossibilita de trabalhar devido ao acidente. Como proceder junto ao seguro DPVAT?

Caso o acidente em que você se envolveu tenha impedido o seu comparecimento ao seu trabalho, você deverá primeiramente apresentar o boletim do primeiro atendimento médico que teve após o acidente de trânsito. Vale ressaltar que o hospital ou clínica são obrigados a fornecer esse documento, incluindo laudos médicos e outras informações importantes sobre seu estado de saúde e física.

Meu familiar veio a falecer devido a um acidente de trânsito.  Como pedir indenização do seguro DPVAT?

Caso você seja familiar ou herdeiro de uma vítima falecida devido ao acidente de trânsito, há direito de indenização.

Para receber a indenização, você terá de apresentar:

  • Certidão de óbito
  • Um documento que comprove a sua relação com a pessoa falecida no acidente de trânsito. É possível apresentar uma certidão de casamento, ou, então, um documento comprobatório que informe que você é herdeiro do falecido no acidente.

Quais os valores envolvidos no seguro DPVAT?

Os valores de indenização do seguro DPVAT são atualizados, geralmente, anualmente.

Em 2018, esses valores ficaram fixados em:

  • Morte: R$ 13.500, para os herdeiros da vítima
  • Invalidez Permanente: R$ 13.500,00 para a vítima
  • Reembolso para despesas médicas: R$ 2.700,00 para a vítima custear a sua recuperação.