DPVAT: Dicas sobre o seguro DPVAT

Anualmente os proprietários de veículos precisam obrigatoriamente pagar o seguro DPVAT. Você sabe o que é, para que funciona? Quais são os prazos de pagamento? Pois bem, vamos te responder a essas e outras questões fundamentais sobre tal serviço.

O que é o seguro DPVAT?

Ele se consiste em uma das obrigações que os motoristas brasileiros possuem. O serviço não é privado e não vai cobrir danos materiais do veículo, caso haja um acidente. O seguro DPVAT serve para cobrir Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre. O mesmo deve ser pago todos os anos, obrigatoriamente, conforme instituído na Lei 6.194/1974.

O valor do DPVAT deve ser pago junto ao IPVA (Imposto Sobre a Propriedade de Veiculos Automotores). Conforme já mencionamos, em alguns casos, o condutor pode ter isenção se for deficiente, por exemplo. Já o seguro não se encaixa neste quadro, pois não importa qual situação o proprietário esteja, ele está se submetendo a riscos diários.

Qual é a finalidade do Seguro DPVAT?

Quando pensamos em serviços de seguro, pensamos em valores que poderão ser utilizados para cobrir os danos do automóvel. Mas não, ele se refere a um valor de indenização às vítimas de acidente de trânsito que foram causados por automóveis terrestres ou pela carga deles. O dinheiro que é destinado à família cobre casos de morte, invalidez, pagamento de despesas com internação e consultas médicas.

Para que a vítima ou a família recebam o dinheiro do DPVAT não é preciso que se faça uma apuração de culpa. Ele é diferente dos demais seguros. Se um pedestre pagar o DPVAT, não possuir carro e for atropelado, ele pode receber a indenização do acidente.

Como faço para receber o meu seguro DPVAT?

Para receber o valor, a vítima ou o familiar precisa ir à uma unidade da seguradora que foi responsável pelo acionamento do seguro, procurar assistência jurídica, ou ir em uma agência dos correios portando RG, CPF, comprovante de Residência, boletim de ocorrência que registre o acidente, extrato bancário com o cartão do banco que possui uma conta para evitar erros.

Qual o valor do seguro DPVAT em 2018?

Este ano o valor saiu mais barato que os anteriores, a taxa varia muito de cada categoria do automóvel. No caso de motocicletas, por exemplo, que automaticamente oferecem um risco maior, o preço não foi reduzido, continua o mesmo do ano anterior.

Calendário de pagamento do DPVAT.

Conforme explicamos lá no início, o prazo de  pagamento varia de acordo com o calendário do seu estado e do seu município. Ele deve ser pago até a data de vencimento da última parcela do seu IPVA. Fique atento, pois o valor não pode ser parcelado.

Cada estado possui sua data específica, por isso é importante prestar bastante atenção quando o governo faz a divulgação dos respectivos prazos.

Agora você já sabe o que é o DPVAT, para que ele serve e porque é obrigatório. É fundamental que os motoristas tenham importância dos principais tributos que os cercam. Tem algum conhecido ou amigo que ainda não sabe por que paga o DPVAT? Conte a ele!