Você sabe o que é DPVAT 2018? Sabe como, onde e por que pagar?

O seguro obrigatório deve ser pago anualmente junto ao IPVA ou ao primeiro licenciamento. No entanto, infelizmente, não são todos os motoristas que entendem a importância de manter em dia o pagamento do DPVAT 2018.

Além de correr o risco de ter que arcar com todas as despesas em caso de acidente no trânsito, o condutor ainda pode receber uma multa alta e ter seu carro apreendido.

Para evitar essa dor de cabeça, continue em nosso artigo para entender tudo que você precisa saber sobre o seguro DPVAT 2018. Acompanhe!

O que é o seguro DPVAT?

  • DPVAT é sigla para Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre, um seguro obrigatório que, desde 1974 indeniza vítimas de acidentes de trânsito, independente de culpa.
  • O seguro DPVAT APENAS COBRE três tipos de indenização:
  • reembolso de despesas médicas e suplementares;
  • invalidez permanente;
  • Qualquer pessoa que sofra um acidente provocado por veículos automotores (carro de passeio, motos, caminhões, ônibus, lotação com cobrança de frete, ciclomotores), ou seus beneficiários (em caso de morte da vítima) dentro do território nacional, tem direito de receber o seguro, seja ele condutor, passageiro ou pedestre.

Como e onde pagar o DPVAT 2018?

  • O boleto de pagamento, diferente do IPVA, não é enviada a residência do contribuinte.
  • Dependendo do seu Estado, é possível emitir o guia de pagamento no site do DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito) ou ir até uma agência bancária conveniada informando número da placa do veículo e do RENAVAM.
  • Em todo o caso, para pagar o seguro DPVAT 2018 e garantir a indenização em caso de acidente de trânsito, você só vai precisar:
  • Entrar no site da Seguradora Líder;
  • Situar o Estado de sua residência no mapa;
  • Escolher entre 1ª Licenciamento, Usados ou isentos do IPVA.
  • Para veículos ISENTOS de IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), o vencimento do DPVAT ocorre junto ao licenciamento anual ou emplacamento.
  • Cada Estado tem a indicação de onde pagar o seu DPVAT (se no DETRAN, agência bancária ou pelo próprio site da Seguradora).

Quando deve ser pago o seguro DPVAT?

O DPVAT deve ser pago anualmente junto a primeira parcela ou parcela única do IPVA. As datas dependem de cada Estado e dos números finais da placa do veículo, mas geralmente começa em janeiro.

O valor do DPVAT 2018 varia de acordo com a categoria em que se encontra o veículo. Já o valor das indenizações que o seguro paga é de R$ 13.500 em caso de morte, até R$ 13.500 para invalidez permanente, e até R$ 2.700 para despesas médicas.

O que acontece se não pagar?

Quem não pagar o seguro DPVAT 2018 estará sujeito a multas e apreensão do veículo. Isso acontece porque o proprietário precisa pagar o seguro para obter o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo).

Ser flagrado dirigindo sem o documento é considerado infração grave pelo Código de Trânsito Brasileiro.

Além disso, sem o pagamento do seguro, o motorista é quem terá que arcar com todas as despesas, em caso de acidente com vítimas.

Para onde vai o dinheiro arrecadado do DPVAT?

Os valores arrecadados anualmente do seguro DPVAT 2018 são distribuídos de três maneiras:

  • 50% para pagar indenizações e operações administrativas;
  • 45% para o Fundo Nacional de Saúde (FNS), a fim de custear as despesas dos acidentados;
  • 5% para o Denatran, para desenvolver programas de prevenção a acidentes.

Lembrando que o DPVAT apenas COBRE vítimas de acidente de trânsito. Danos materiais, acidentes de trem ou multas e tributos da vítima ficam de foram da cobertura.

Este artigo sobre o DPVAT 2018 foi útil para você? Então não deixe de compartilhar em suas redes sociais e ajudar seus amigos a entender tudo sobre esse seguro obrigatório.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × cinco =